Vereadores dispensam até o interstício em requerimento para permitir o uso de paredões de som em Caxias…

Na sessão de quarta-feira passada da Câmara de Caxias foi apresentado requerimento que solicita do Executivo local espaço regulamentado para o uso de paredões de som no município.

A favor da zoeira e da aglomeração nestes tempos de pandemia, em clara afronta à Lei do Silêncio, vereadores governistas agiram rápido para legalizar esse tipo de som na Princesa do Sertão.

A pressa foi tamanha que a edilidade palaciana usou até ‘pedido de dispensa de interstício’ no requerimento, um instrumento legislativo extraordinário que elimina os intervalos mínimos de três e de cinco dias para apreciação de proposições na Casa.

10 respostas para “Vereadores dispensam até o interstício em requerimento para permitir o uso de paredões de som em Caxias…”

  1. Isso é absolutamente inconstitucional e ilegal. Inconstitucional porque a lei municipal não pode confrontar a lei federal. Caso para Recurso Especial no STJ. E a lei federal em plena vigência limita os decibéis em defesa do sossego público. E da saúde auditiva da população.

  2. Não me surpreende essa atitude dos edis. Atende a seus próprios interesses. As verdadeiras prioridades estão sendo colocadas de lado. O que está realmente por trás disso???

  3. Bastidores fervendo, informações dão conta que o Presidente da CPL pediu pra sair, essa semana ele passou toda sem ir lá na CCL, eu mesmo tentei falar com ele lá e não consegui. Agora o governo afunda de vez!

  4. Vergonha 🙈 casa do povo, ninguém viu isso, seremos obrigados a suportar som, MP, PF, OAB cadê vcs, irão aceitar esse absurdo?

  5. Canalhice. Publique jornalista. Esses vereadores são imprestáveis. Eu assumo a palavra. Essa é a minha indignação. O poeta Gonçalves Dias revira no seu túmulo.

  6. Lógico que vai ser aprovado, o assessor do TA tem um paredão, por isso a pressa pra legalizar o som automotivo. Muita falta de respeito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *