O conformismo de Rafael Leitoa e seu texto cheios de ‘dedos’, no qual atira de vez a toalha no ringue eleitoral timonense…

A ‘desistência’ de Rafael Leitoa à pré-candidatura de prefeito de Timon se deu após uma exclusiva reunião entre ele, o ex-prefeito Chico Leitoa e o filho e atual prefeito Luciano Leitoa, no dia anterior, sábado…

A missiva

…Confira abaixo a longa e cuidadosa missiva de despedida de Rafael Leitoa da disputa timonense:…

A despedida

“A missão que me foi confiada pelo povo do Estado do Maranhão e ampliada pelo Governador Flavio Dino, ao me indicar seu líder na Assembleia Legislativa, me fizeram refletir e tomar a posição de não pleitear, dentro do meu grupo político, a candidatura a prefeito na sucessão municipal de Timon.

Entendo que para alguns, que acompanham meu trabalho de deputado, e que viram através de meu mandato conseguirmos tantas conquistas, como o Colégio Militar, IEMA, implantação do ensino de tempo integral, viaturas, novos policiais , a instalação da FUNAC, Centro da Juventude Francisco Carlos Jansen, bem como as que serão inauguradas em breve, como a nova CEASA, o Parque Ambiental e os novos leitos de UTI do Hospital Alarico Pacheco, enfim, entendo que vejam meu nome como uma candidatura natural.

Mas a política é sobretudo uma tarefa coletiva, que depende da coesão dos grupos, dos sentimentos que unem seus membros às aspirações da sociedade e do sentido de missão que todos devemos ter.

Além disso, vale dizer, com o meu mandato tenho ajudado também a várias outras regiões do Estado, e junto com o prefeito Luciano e sua liderança na presidência do PSB temos visto Timon avançar, apesar da crise que afeta o país.

É justamente essa grande equipe que tem, desde o primeiro dia de governo, trabalhado como prioridade máxima elevar o patamar educacional do município, preparando a nova geração de jovens timonenses para uma vida de oportunidades.

Eu estarei na primeira trincheira de luta pela continuidade desse trabalho e ao mesmo tempo, como sempre tenho dito, irei focar toda a minha atenção na função que assumi na Assembleia, ajudando o governo Flávio Dino e também a todos os municípios maranhenses, em especial aqueles que me ajudaram no nosso projeto de reeleição para a Assembleia.

O prefeito Luciano sabe que pode contar comigo para qualquer batalha e juntos vencermos as eleições de 2020, para que Timon não venha a ter retrocesso, todos nós juntos, como sempre fizemos, iremos com nossa unidade apoiar uma pessoa que irá dar continuidade nos avanços que foram conquistados em nossa cidade.

Quero aqui agradecer profundamente a todos que desejariam me ver disputando a eleição e administrando a nossa cidade, mas nesse momento me encontro despido de qualquer vaidade e movido pela convicção de que devo continuar na Assembleia legislativa ajudando ainda mais a nossa cidade! Que Deus abençoe a todos nós.

Rafael Leitoa”.

O confuso emaranhado de interesses nas relações das lideranças políticas maranhenses…

foto: alberto pessoa

A política é mesmo um confuso emaranhado de interesses… Vejam os leitores da página as figuras acima que foram à posse de Paulo Marinho Júnior em Brasília, na Câmara Federal, no lugar de Josimar de Maranhãozinho…

Pela ordem

…Pela ordem caxiense, Fábio Gentil, Paulo Marinho, Paulo Marinho Júnior e Catulé;… e depois Duarte Júnior, Carlos Brandão, Josimar de Maranhãozinho e Rafael Leitoa, e etc, porque havia mais gente que não quis aparecer no palco… Só faltou mesmo aí o governador Flávio Dino…

Partido não importa

…É dispensável citar os partidos da moçada porque aqui isso não importa… O que importa mesmo é quais de seus integrantes vão conseguir convencer uns aos outros a aderir aos seus próprios interesses eleitorais!

Coronel Schnneyder lidera pesquisa para prefeito em Timon…

ironia do destino…

O pré-candidato a prefeito de Timon Coronel Schneyder aparece em primeiro lugar na pesquisa do Instituto Data Max divulgada hoje, 30.

Cenário

No cenário estimulado, quando perguntado “se as eleições municipais fossem hoje, e os candidatos fossem estes, em quem o (a) sr (a) votaria para ‘Prefeito de Timon – MA’?”, o resultado foi o seguinte: Comandante Schnneyder 28,40%; Alexandre Almeida 18,74%; Rafael Leitoa 18,15%; Socorro Waquim 15,38%; Jaconias Moraes 8,48%; Vereador Henrique Júnior 6,11%; Nulo / Branco – Espontânea 3,16%; Não sabe/ Não Opina – Espontânea 1,58%.

Cenário II

Noutro cenário estimulado onde é feita a mesma pergunta acima e se substitui o nome do deputado estadual Rafael Leitoa pelo da secretária de Educação de Timon, Dinair Veloso, o resultado fica assim: Comandante Schnneyder 30,18%; Alexandre Almeida 20,71%; Socorro Waquim 16,77%; Jaconias Moraes 9,86%; Vereador Henrique Júnior 6,90%; Não Sabe/ Não Opina 5,72%; Dinair Veloso 4,93%; Nulo/ Branco 4,93%.

A pesquisa do Instituto Data Max tem registro de número MA-08866/2020 e ouviu 507 eleitores timonenses entre os dias 8 e 12 deste mês. O intervalo de confiança é de 95%, com margem de erro de 4,35 pontos percentuais, para mais ou para menos. Com informações do blog do Gilberto Léda.

Sobre a hipotética candidatura de Alexandre Almeida a prefeito de Timon, hoje, em rede social, o ex-deputado parece dar adeus definitivo à política. Confira abaixo…

Retrato nu e cru: Caxias não está entre os seis municípios que se destacaram na composição do PIB do Maranhão…

pib maranhão…

A conclusão é do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (IMESC), autarquia vinculada à Sepe, com base nos dados do PIB 2017, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em dezembro….

Os seis

…São Luís (33,21%), Imperatriz (7,37%), Balsas (3,40%), Açailândia (2,46%), São José de Ribamar (2,23%) e Timon (2,01%) somam juntos 50,68% de tudo o que foi produzido no estado…

Só de Açailândia

…Caxias aparece com algum destaque apenas no setor Terciário (Comércio e Serviços), que, apesar disso, ainda perde para São Luís (30,97%), Imperatriz (7,21%), Balsas (3,10%), São José de Ribamar (2,72%) e Timon (2,31%)… Caxias (2,24%) ganha apenas de Açailândia (1,93%).

Portal do passado… Há 19 anos em Caxias…

túnel do tempo…

13 de outubro de 2.000

Babalaô

babalaô…

Na disputa para a presidência da Câmara Municipal de Caxias teve gente apelando até para pai-de-santo. Um dos concorrentes pagou o mico de rodar desajeitadamente num respeitado salão da cidade… Segundo os presentes, os ‘santos’ não teriam gostado nem um pouco do charlatanismo do sujeito. Apesar disso, a ‘figura’ saiu de lá dizendo que “se sentia um verdadeiro babalaô!”.

Do limbo

limbo…

O encontro de Washington Luís, Haroldo Sabóia, Roberto Rocha, Aderson Lago, Chico Leitoa e Marcos Igreja em Timon configura os primeiros passos para uma união das oposições em 2002. O editorial do JP, “Coligação ecumênica”, de quarta-feira, traça essa linha do jogo político estadual de forma clara e relembra fatos e artimanhas que possibilitaram a ascensão do senador José Sarney ao cume do poder no Maranhão. O encontro em Timon ventila a asfixia política implantada em 1965 em nosso Estado. Depois de 35 anos, a brisa que sopra das bandas de nossa vizinha cidade parece prenunciar mudanças no stablishment maranhense já a partir das próximas eleições.

Fraturas

A nova Câmara terá a responsabilidade de julgar a prestação de contas do ex-prefeito Paulo Marinho, período 1993 a 1996. Daí porque a briga pela presidência da Casa pode causar fraturas para além do prédio do Legislativo caxiense.

Fritura

O vereador Fábio Gentil se apressou e declarou ao Jornal da Cidade que já dispõe de 4 votos a seu favor para o cargo de presidente da Câmara. Se o espírito não engana, ele caiu direitinho na arapuca que lhe armaram. Vai ser fritado em fogo brando antes mesmo de colocar a poupança na cadeira da Casa.

Cueiro

cueiro…

Para os que ainda duvidam, a matreirice do vereador Antônio Ximenes não encontra paralelos em meio aos ‘meninos’ de cueiro que vão para a Câmara a partir de janeiro. Se alguém acha que ele não é capaz de dar nó em vapor d’água é só relembrar seu passado recente. Os observadores mais isentos dão como certa sua eleição para o cargo de presidente da Câmara.

3 por cento

Se prevalecer a orientação constitucional de que os salários dos vereadores devem corresponder a 3 por cento das receitas do município (excluindo-se os recursos do SUS, Fundef e assemelhados), os novos edis vão receber um magro contracheque no final do mês: aproximadamente R$ 1.200,00. Magro, óbvio, em comparação aos dos seus colegas anteriores, que eram bem polpudos.

Franciscanos

franciscanos…

Analistas políticos acreditam que muitos candidatos a vereador gastaram acima de R$ 80.000,00 nestas eleições. Essa vultosa quantia jamais será recuperada em sua totalidade com apenas os salários dos edis durante os quatro anos. A única explicação para gastos tão altos, ‘a fundo perdido’, é o espírito franciscano que domina o coração dos novos parlamentares municipais…

Franciscanos II

…Nos discursos, os vereadores de coração franciscano prometeram que ao chegar à Câmara vão fazer só o bem e ajudar seus pobres irmãos da periferia. Mas coração franciscano não se encontra em toda esquina. E se o salário vai ser tão acanhado, por que será então que alguns candidatos pisaram até no pescoço da mãe para chegar ao pódio da Câmara?

Proposta no TJMA: elevação de entrância intermediária para a de entrância final é saída pela tangente…

pela tangente…

A proposta do desembargador Marcelo Carvalho Silva, corregedor-geral da Justiça do Maranhão, de elevar as comarcas de Timon, Caxias e Imperatriz (hoje entrâncias intermediárias) para de entrâncias finais visa neutralizar a ação da ex-procuradora-geral da República, Raquel Dodge… Uma saída pela tangente…

Promoção ‘bate e volta’

promoção bumerangue: vai e volta…

…Em julho passado, a então procuradora-geral propôs Ação Direta de Inconstitucionalidade para acabar com a prática do Judiciário no estado da popularmente chamada ‘promoção bate e volta’… A ação proposta por Raquel Dodge tem como relator no STF o ministro Luiz Fux…

Ostracismo jurídico

ostracismo jurídico…

…Como aconteceu com alguns magistrados de Caxias, Imperatriz e Timon que foram promovidos a juízes de entrância final mas continuam exercendo atividades tranquilamente nesses municípios… Uma beleza para que não quer sair da Princesa do Sertão, Imperatriz ou Timon e ficar no ostracismo jurídico da capital!!!

Solução caseira & azarão: em Timon…

Em recente pesquisa sobre o cenário eleitoral em Timon, o Coronel Schneyder aparece como o favorito para vencer a eleição para prefeito do município em 2020, segundo levantamento do Instituto de Opinião Pública JM, realizado entre os dias 31 de setembro e 2 de outubro passado…

Cenário

primeiro lugar…

…Ex-comandante da PM local, o coronel lidera em todos os cenários levantados… Na estimulada, Schneyder aparece em primeiro lugar com 24,65% das intenções de voto. Em segundo está o deputado estadual Rafael Leitoa (PDT), com 14,21%. Na terceira posição aparece a ex-prefeita e hoje vereadora Socorro Waquim, com 8,57% e, em quarto, o ex-vereador Jaconias Moraes (8,37%), seguido do ex-deputado estadual Alexandre Almeida (6,96%)…

Cenário II

segundo colocado…

Cenário III

terceira colocada…

…Na terceira posição aparece a ex-prefeita e hoje vereadora Socorro Waquim, com 8,57% e, em quarto, o ex-vereador Jaconias Moraes (8,37%), seguido do ex-deputado estadual Alexandre Almeida (6,96%)…

Na rabada

Dinair Veloso com Luciano Leitoa…

…O vereador Henrique Júnior com (2,97%), o vereador Uilma Resende (0,91%), vice-prefeito João Rodolfo (0,45%), e a secretária de Educação, Dinair Veloso (0,35%)… Confira mais detalhes da pesquisa em https://gilbertoleda.com.br/

A preferida

…O curioso é que a candidata preferida do atual prefeito Luciano Leitoa, Dinair Veloso, consegue apenas irrisório meio por cento… Dinair é uma espécie de tia de Luciano…

Controvérsia

…Na controvérsia interna familiar, Luciano ama Dinair que não gosta de Rafael Leitoa (PDT) que é endeusado pelo ex-prefeito Chico Leitoa… Se dependesse só de Leitoa pai, Rafael é que estaria no front da disputa…

O azarão

…E aí, no meio dos desencontros familiares dos mandachuvas locais, aparece o azarão Coronel Schneyder que, tudo indica, a cada dia aumenta a popularidade eleitoral no grotão timonense… A briga promete!!!