Confirmado o que as evidências já indicavam: a família Marinho agora estaria de fato dentro do poder…

Em releases direcionados a blogs alinhados ao governo, não mais se esconde que o deputado federal Paulo Marinho Júnior (PL) e o pai e ex-prefeito Paulo Marinho agora têm considerável peso dentro do Palácio da Cidade…

Guru

…E mais: que ‘PM Véi’ teria assumido a condição de consultor e orientador de Fábio Gentil nas questões mais vitais da administração, uma espécie de eminência parda ou guru do poder!…

Sem saída

…Não se sabe ainda dos acertos internos para se chegar a esse resultado, mas ao que tudo indica PM e PMJ conseguiram deixar Cabeludo sem saída… Ou seja, fechou-se o cerco!

Olha só como pai e filho Marinho formam uma dupla perfeita em Caxias…

Enquanto o ex-prefeito Paulo Marinho recebia o prefeito Fábio Gentil (aqui) na TV Record Caxias, o filho e deputado Paulo Marinho também se reunia com sete integrantes da turma do baixo clero no Parlamento local, em sua residência, todos governistas… Na foto falta ‘Repórter Puliça’, mas ele também estava lá…

Para assustar

…A turma de edis palacianos acima, por sua vez, também aproveita a onda para assustar ‘Cabeludo’ com esse encontro com PMJ…

Pendências

…Todos os vereadores acima têm várias pendências em Palácio, as quais o prefeito continua cozinhando o galo já faz tempo!…Veja mais em Ludwig.

Da definição sobre se PMJ será ou não candidato a prefeito em 2020 depende o quadro eleitoral em Caxias…

Todos os bastidores políticos de Caxias sabem que da candidatura, ou não, de Paulo Marinho Júnior (PL) a prefeito em 2020 dependerá o quadro eleitoral na Princesa do Sertão…

Tentando relativizar

…Agora, é obvio que há muita gente tentando relativizar a importância de PMJ no processo sucessório municipal, principalmente os governistas mais receosos de que a hipótese da candidatura do rebento marinhiano (aqui) acabe com as chances de o prefeito Fábio Gentil se reeleger…

Cores da realidade

…É compreensível a preocupação desses palacianos, mas a política partidária não depende desse tipo de aflição. Portanto, até a definição do enrolo interno no clã Marinho não se poderá pintar um quadro concernente com as cores da realidade política caxiense!

Publicações em blogs, redes sociais e zaps indicam desavenças internas no grupo Marinho…

Fontes do site próximas ao clã de ex-governantes dizem que as desavenças se dariam porque uma parte da família quer porque quer que PMJ saia candidato a prefeito em 2020, e outra parte não…

Postagem

…Por último, uma postagem em um blog muito ligado ao ex-prefeito Paulo Marinho foi poucas horas depois deletada, em mais um sinal de desavenças internas…

Postagem II

…Na referida postagem se falava de um hipotético desespero do prefeito Fábio Gentil com a hipótese de PMJ sair candidato a chefe do Palácio da Cidade na disputa municipal deste ano…

Ligações diretas

…Para além disso, nas coxias do poder municipal, o que se fala é que Cabeludo “realmente, agora, liga direto, todo dia”, para ‘Paulinho’, “implorando que o mesmo continue reafirmando que não será candidato!”…

No link

…Daí porque a referida postagem sumiu do ar virtual e não é mais encontrada no respectivo link!

A importância de Paulo Marinho Júnior no cenário eleitoral caxiense…

Agora deputado federal, Paulo Marinho Júnior (PL) é cortejado por aliados governistas em Caxias e por importantes figuras do estado. Foram à sua posse em Brasília, por exemplo, a esposa Rosi Lopes, o prefeito Fábio Gentil, o presidente da Câmara local, vereador Catulé, o vice-governador Carlos Brandão, o próprio deputado agora licenciado Josimar de Maranhãozinho, os deputados estaduais Duarte Júnior e Rafael Leitoa e os pais ex-prefeitos Paulo e Márcia Marinho, entre outros.

Mas, para além de ter assumido a cadeira de Josimar de Maranhãozinho na capital federal, PMJ carrega em seu alforje eleitoral mais de 30 mil votos só na Princesa do Sertão, como o demonstrou o resultado das eleições de 2018 no Maranhão. Não é pouca coisa. Na proporção, politicamente equivalente a pouco menos de um terço do conjunto de votantes do município. Daí a sua importância no jogo da disputa municipal de 2020.

Assim, inequivocamente, Paulo Marinho Júnior é o fiel da balança para qualquer lado e, também, um ator potencial caso viesse a se lançar candidato a prefeito. O que ele reiteradamente nega… De qualquer forma, isso justifica o cortejo e as investidas políticas em seu rumo e mesmo as propagadas especulações sobre o futuro de suas ações… Ou seja, PMJ é um sujeito indispensável no cenário político-eleitoral de Caxias… (Da coluna Caxias em Off, edição do Jornal Pequeno de 14/02/20).

Situação de Catulé e Catulé Júnior após a pré-candidatura de Adelmo Soares e a ida de PMJ a Brasília…

A ida de PMJ para a Câmara Federal e o rompimento e a consequente pré-candidatura do deputado Adelmo Soares (PCdoB) mudaram muito a configuração interna do poder municipal…

Reajustamento

…A saída de AS forçou um reajustamento interno no consorciado governista porque Fábio Gentil passou a temer mais dissidências na sua base de apoio, o que levou o prefeito a alterar a maneira com que vinha tratando internamente os outros aliados…

Mudanças conjunturais

…No caso do presidente da Câmara e agora eventual ‘vice-prefeito’ Catulé, este se fortaleceu internamente com as mudanças conjunturais, mas isso, por sua vez, também deixou o filho e secretário estadual de Turismo Catulé Júnior numa situação delicada, haja vista a candidatura de Adelmo Soares ser uma decisão do PCdoB, partido do deputado federal Márcio Jerry e do próprio governador…

Gerar atritos

…O que quer dizer que, em tese, Catulé pode assumir integralmente a defesa do projeto de reeleição de Fábio Gentil, mas Catulé Júnior não, pois isso acabaria por gerar atritos na base comunista do poder estadual… Ou seja, nada na política é 100%!

Renúncia ao cargo de vice…

Embora antecipadamente anunciada, a renúncia de Paulo Marinho Júnior (PL) ao cargo de vice-prefeito de Caxias, oficializada na sessão da Câmara de segunda-feira passada, repercutiu e gerou uma série de especulações no município quando ao futuro político de PMJ.

Paulo Marinho Júnior já negou diversas vezes que pretenda se lançar candidato a prefeito da Princesa do Sertão em 2020, mas o meio político-partidário local parece não acreditar nisso. Daí os murmurinhos sobre supostas movimentações do primogênito do clã Marinho na direção de, mais adiante, surgir com a ‘surpresa’, causando assim mais fervura no ambiente eleitoral caxiense, o qual, é fato, mudou muito desde a oficialização do acordo entre os grupos Coutinho e Soares.

De qualquer forma, com ou sem especulações, a realidade, hoje, é que aparentemente nada irá mudar em relação à aliança estabelecida entre os grupos Gentil e Marinho, como, aliás, seus representantes cuidaram rapidamente de negar que poderiam romper. No caso, as mútuas reafirmações da união tanto da parte do prefeito Fábio Gentil (PRB) quanto da de PMJ foram distribuídas na mídia tradicional e nos meios virtuais, redes sociais, zaps, etc (Da coluna Caxias em Off, edição do Jornal Pequeno de 12/02/20).

Estaria nas mãos do ex-prefeito Paulo Marinho a decisão sobre PMJ sair ou não candidato a prefeito em 2020!…

a revanche…

Agora, meu amigo, minha amiga… As fontes do editor do site no estado confidenciam que tudo agora dependerá do ex-prefeito Paulo Marinho, o ‘Paulo Véi’, como o mesmo vem sendo carinhosamente chamado nas redes sociais e zaps…

A decisão

…Pois bem, diz-se que estaria nas mãos de PM a decisão sobre Paulo Júnior, a ‘noiva’ do momento, sair ou não candidato a prefeito em 2020…

Custo operacional

…Daí já dá para ter uma ideia do tamanho da articulação e do custo da operação para conseguir o ‘ok’ do ex-prefeito…

Colocar à mesa

…No mínimo, para começar, PM deverá colocar à mesa tudo o que perdeu desde que a ex-prefeita Márcia Marinho foi derrotada por Humberto Coutinho em 2004!

Dá para imaginar o drama do prefeito quando pensa na hipótese de Paulo Marinho Júnior romper com o clã Gentil…

Dá para imaginar o drama que passa na cabeça do prefeito Fábio Gentil (PRB) ante a hipótese de que Paulo Marinho Júnior (PL) venha a romper com ele mais adiante…

Posse do espólio

…A questão não seria tanto a família Marinho, em si, em seu conjunto, mas o potencial eleitoral de hoje do primogênito do clã, que, aos poucos, acabou se apossando do espólio político do grupo, como era na verdade previsível…

Patamar sofrível

…Fábio Gentil sabe que se perder o apoio de PMJ ou se este vier a sair candidato a prefeito em 2020 as chances de ele, ‘Cabeludo’, conseguir se reeleger vão ao um patamar sofrível…

Seguidos erros

…Daí os seguidos erros políticos que FG tem cometido desde que a ameaça Adelmo Soares (PCdoB) se colocou em seu caminho… O prefeito vem agindo de forma atabalhoada e mostrando uma desestabilidade emocional surpreendente…

Coca-cola

…Não é nem que Soares seja essa ‘coca-cola’ toda, a questão é que não havia mais ninguém no jogo que pudesse contar com o apoio da família Coutinho, a qual, apesar dos reveses, ainda é a segunda força político-eleitoral na Princesa do Sertão!

Um verdadeiro cortejo foi a Brasília para prestigiar a posse de Paulo Marinho Júnior no lugar de Josimar Maranhãozinho…

Moço de ‘deus’, olha a ruma de gente que foi a Brasília para pajear a posse de Paulo Marinho Júnior (PL) no lugar de Josimar Maranhãozinho (PL) na Câmara Federal!…

Mal nasceu

…A ‘criança’ mal nasceu e já se vê cercada de todos cuidados e dos mimos necessários para não desandar no caminho!…

Melhor ângulo

…Detalhe, observe-se: o melhor ângulo da bendita foto reservou-se ao ex-prefeito Paulo Marinho, o ‘Paulo Véi’, como fica nítido no registro!