Marinho faz visita a Catulé…

O presidente da Câmara Municipal de Caxias e vice-prefeito, Catulé, recebeu na manhã de hoje (30/06) a visita do ex-prefeito e ex-deputado Paulo Marinho.

Planos

Do encontro teriam saído planos e entendimentos para o futuro. Só do que se sabe é isso da reunião dos dois… O restante…

MPE em Caxias do MA instaura ‘Procedimento Eleitoral’ para apurar distribuição de cestas e peixes…

A Promotoria Eleitoral em Caxias do MA instaurou ‘Procedimento Eleitoral’ para apurar e fiscalizar execução dos programas sociais e de distribuição gratuita de bens, valores e benefícios em Caxias do MA…

Abuso do poder econômico

…O MPE justifica o ato como necessário a evitar que não ocorra abuso do poder político e econômico no município, uso promocional em favor de candidato, pré-candidato ou partido político, ainda que de forma subliminar, bem como o mesmo não se concretize por entidades nominalmente vinculadas a candidatos ou pré-candidatos ou por eles mantidas…

Distribuição de cestas e peixes

…O procedimento é direcionado ao prefeito Fábio Gentil (Republicanos) e a outros agentes públicos locais por conta da recente distribuição de cestas alimentícias e peixes na cidade de Caxias…

Distribuindo pessoalmente

…O promotor eleitoral Rodrigo de Vasconcelos Ferro, por sinal, foi buscar munição comprobatória no próprio site da Prefeitura de Caxias, que publicou fotos do prefeito distribuindo pessoalmente os referidos itens a camadas sociais carentes do município…

Recomendações

…O MPE direcionou recomendações ao prefeito Fábio Gentil e ao presidente da Câmara, vereador Catulé, acerca do processo de apuração das ações…

Ofícios a secretários

…Além disso, o MPE enviou ofícios aos secretários municipais de Agricultura e Pesca, Assistência e Desenvolvimento Social e de Meio Ambiente… O promotor dá o prazo de 10 dias para que todos se expliquem.

A advogada Francisca Meire Sousa emitiu nota pública sobre seu estado de saúde… Confira abaixo…

Mas não foi ela a pessoa que esteve na Câmara de Caxias, durante a sessão solene pelo Dia Internacional da Mulher, a qual motivou a nota do presidente da Casa, vereador Catulé, ontem… Reveja aqui

Outra advogada

…No caso, foi a também advogada Francisca Freitas, a qual esteve na referida cerimônia da Casa do Povo com sintomas parecidos ao do covid-19, o que resultou na nota do Legislativo caxiense…

Contato

…Agora há pouco, o editor da página falou com a advogada Francisca Meire, por telefone, que relatou estar em casa, em isolamento, mas apenas por precaução, pois os seus sintomas seriam de uma gripe normal…

Viagem a Fortaleza

…Mas ela acrescentou que, de fato, viajou a Fortaleza com a colega advogada Francisca Freitas e que esta, sim, agora, apresenta todos os sintomas característicos do covid-19…

Isolamento

…Daí, relatou Francisca Meire, a sua preocupação em emitir a nota pública e também se recolher em casa após ter ido ao médico em Teresina (PI) e lá se consultado e feito os exames necessários para a detecção ou não do covid-19…

Isolamento II

…Já a colega Francisca Freitas, como realçou Francisca Meire, esta também está em isolamento, em casa, em Caxias.

A direção geral da Equatorial Energia estará na Câmara Municipal de Caxias, hoje, às 16 horas…

Óbvio que oficialmente não se dirá isso, mas a vinda da direção geral da empresa à Princesa do Sertão deve ser por conta da pressão que a Casa do Povo tem exercido sobre ela…

Convite

…A compressão vem ocorrendo há várias sessões, desde que a Equatorial esnobou o convite do Parlamento local para que comparecesse a uma audiência pública na Casa há um tempo atrás, exatamente para tratar das inúmeras reclamações dos consumidores contra a empresa, principalmente na zona rural…

Pressão

…Os ataques à Equatorial passaram a ocorrer por iniciativa do presidente da Mesa Diretora da mesma, vereador Catulé, no que foi acompanhado pelos demais edis.

No xadrez: as delicadezas e as sutilezas políticas próprias da Princesa do Sertão…

A propósito de delicadezas e de sutilezas políticas que começam a aparecer na disputa eleitoral em Caxias, ainda cabem muitas outras perguntas além do caso de Catulé e Catulé Júnior (aqui), como já publicadas algumas no site…

Filho e pai

…No caso de Tino Castro, por exemplo, para relembrar, George Coutinho, o primogênito da deputada Cleide Coutinho, apoia Tino, mas o pai de Tino apoia Adelmo Soares… Reveja aqui

Falar mal

…Magno Chaves, pré-candidato a vice na chapa de Tino também não pode falar mal do grupo Coutinho por razões óbvias…

Ir fundo

…César Sabá também não pode ir fundo no grupo Coutinho por causa de suas ligações passadas com o saudoso Humberto Coutinho… O ex-vice-prefeito Júnior Martins também, idem, pelas mesmas razões…

Muito trabalho

…Quer dizer, até se decifrar todos esses enigmas políticos e de vivências partidárias passadas haverá muito trabalho para os analistas de plantão!

Situação de Catulé e Catulé Júnior após a pré-candidatura de Adelmo Soares e a ida de PMJ a Brasília…

A ida de PMJ para a Câmara Federal e o rompimento e a consequente pré-candidatura do deputado Adelmo Soares (PCdoB) mudaram muito a configuração interna do poder municipal…

Reajustamento

…A saída de AS forçou um reajustamento interno no consorciado governista porque Fábio Gentil passou a temer mais dissidências na sua base de apoio, o que levou o prefeito a alterar a maneira com que vinha tratando internamente os outros aliados…

Mudanças conjunturais

…No caso do presidente da Câmara e agora eventual ‘vice-prefeito’ Catulé, este se fortaleceu internamente com as mudanças conjunturais, mas isso, por sua vez, também deixou o filho e secretário estadual de Turismo Catulé Júnior numa situação delicada, haja vista a candidatura de Adelmo Soares ser uma decisão do PCdoB, partido do deputado federal Márcio Jerry e do próprio governador…

Gerar atritos

…O que quer dizer que, em tese, Catulé pode assumir integralmente a defesa do projeto de reeleição de Fábio Gentil, mas Catulé Júnior não, pois isso acabaria por gerar atritos na base comunista do poder estadual… Ou seja, nada na política é 100%!

Um verdadeiro cortejo foi a Brasília para prestigiar a posse de Paulo Marinho Júnior no lugar de Josimar Maranhãozinho…

Moço de ‘deus’, olha a ruma de gente que foi a Brasília para pajear a posse de Paulo Marinho Júnior (PL) no lugar de Josimar Maranhãozinho (PL) na Câmara Federal!…

Mal nasceu

…A ‘criança’ mal nasceu e já se vê cercada de todos cuidados e dos mimos necessários para não desandar no caminho!…

Melhor ângulo

…Detalhe, observe-se: o melhor ângulo da bendita foto reservou-se ao ex-prefeito Paulo Marinho, o ‘Paulo Véi’, como fica nítido no registro!

Presidente da Câmara faz grave denúncia sobre venda ilegal de área do Inhamum para uma empresa de energia…

O presidente da Câmara Municipal de Caxias, vereador Catulé (PRB), denunciou na sessão legislativa de segunda-feira, ontem, que uma parte da Área de Proteção Ambiental do Inhamum foi vendida para uma empresa do ramo de eletrificação, a qual pretende instalar, no espaço de sete hectares, uma subestação de energia elétrica no município.

Conhecimento do caso

Catulé disse que só teve conhecimento do caso porque ele e os demais vereadores da casa passaram a lutar contra o péssimo serviço da Equatorial Energia em Caxias.

“Cientificado de que havia alguma coisa errada no Inhamum, e que envolvia energia elétrica, fui até a reserva e lá constatei que há uma área cercada pela empresa Artcon (do ramo de eletrificação), adquirida por dois milhões de reais de um juiz que passou em Caxias e que, agora, trabalha na capital”.

Problema identificado

Segundo o parlamentar, o problema já havia sido identificado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e que, para poder se instalar na área, a empresa precisaria obter uma licença ambiental, a qual foi negada pelo secretário de Meio Ambiente, Pedro Marinho, após cuidadosa avaliação dos servidores do órgão.

Auto de infração

“O secretário Pedro Marinho fez o trabalho correto, eficiente, e não só emitiu um auto de infração contra a empresa Artcon, em 03 de maio de 2018, como também apresentou denúncia ao Ministério Público”.

Participação de assessores

Para Catulé, “o mais impressionante ainda no caso é a participação de assessores jurídicos da Prefeitura. A Artcon recorreu na Justiça local da decisão da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e protocolou uma ação contra a Prefeitura de Caxias. O caso foi parar na 1ª Vara de Justiça de Caxias, que ajuizou uma audiência de conciliação. E esse foi o entendimento mais esquisito que a gente pode imaginar, pois só Deus sabe como o mesmo foi feito. Mas não vamos ficar de mãos atadas, e com o apoio de todos os colegas, tanto da situação como da oposição, vamos a fundo, descobrir essa imoralidade, que só é de conhecimento público agora porque estamos fiscalizando o trabalho da Equatorial Energia”.

Se avistar

O vereador disse que irá se avistar “com o prefeito Fábio Gentil para saber, até que ponto ele tem conhecimento disso, ou se ele autorizou isso, através da sua assessoria jurídica. Nós somos aliados do prefeito, mas não somos subservientes. Eu nunca fui subserviente, e minha vida toda é essa. Estou muito bem com o prefeito, mas não posso ficar calado. Eu acho que assaltaram o Município de Caxias, venderam um pedaço do Inhamum, uma Área de Preservação Ambiental tombada, de onde provém parte da água que todos bebem na cidade de Caxias, sem o conhecimento e o aval do povo de Caxias, que é representado por esta casa”.

Participação da Equatorial

Na avaliação de Catulé, a vinda da Artcon para Caxias teria a participação da Equatorial. “Essas concessões de exploração, via de regra, são autorizadas em nossa região pela Eletronorte, que as repassa para suas concessionárias. E a concessionária da Eletronorte no Maranhão, por coincidência, é a Equatorial, que está obviamente terceirizando o serviço para a Artcon, corroborando para um crime sem proporções em Caxias! Aqui nós temos que convocar a empresa e o assessor jurídico do município, para saber como foi essa transação, se tem dinheiro pelo meio, se tem safadeza pelo meio, porque roubaram o município de Caxias”.

Deputados

Em seu discurso, o vereador ainda endereçou pedido de apoio aos deputados caxienses na Assembleia do Maranhão, acentuando que Cleide Coutinho (PDT), Adelmo Soares (PCdoB) e Zé Gentil (PRB) não podem mais ignorar essa situação da Equatorial em Caxias. Ele citou a postura do deputado estadual Paulo Neto (DEM), que vem fazendo cobrança em favor de melhorias no sistema elétrico do Maranhão, e disse que também confia no trabalho que o deputado federal Paulo Marinho Júnior (PL) fará em Brasília. Leia mais no portal da Câmara de Caxias.

Agora é papel juramentado e passado em cartório: Paulo Marinho Júnior não é mais vice-prefeito de Caxias…

para onde?!…

Uma vez protocolada e lida a carta-renúncia de Paulo Marinho Júnior na Câmara Municipal, o que aconteceu há pouco, o mesmo deixa de ser vice-prefeito e agora poderá fazer o que quiser, inclusive ser candidato a prefeito da Princesa do Sertão…

Tudo e mais ainda

…O que se diz nos bastidores estaduais é que Josimar Maranhãozinho teria prometido dar a PMJ tudo o que Fábio Gentil lhe prometeu e não cumpriu, e ainda muito mais…

Nova estrada

…Abre-se, assim, uma nova estrada no horizonte do primogênito do clã Marinho!…

O primeiro

…Com a renúncia de PMJ, o presidente da Câmara, vereador Catulé, passa a ser o primeiro na linha sucessória do atual governo municipal!

Integrantes da base do governo Fábio Gentil na Câmara Municipal choram miséria pelos cantos!…

Tem algo de estranho acontecendo na base legislativa do governo Fábio Gentil (PRB). Da turma considerada do alto clero, até agora, só quem não está chiando com ‘Cabeludo’ é o presidente da Câmara, Catulé, e o vice-presidente, Antônio Ximenes…

Chorando miséria

…Já os demais, inclusive o secretário da Mesa Diretora da Casa, Mário Assunção, vem chorando ‘miséria’ pelos cantos…

Primeiro-ministro

…Aliás, Mário Assunção se autodenominava ‘primeiro-ministro’ até um tempo atrás, expressão usada pelo vereador para dizer que tinha tudo no governo e também para tirar sarro com outros colegas de parlamento menos afortunados e desafetos em geral, como registrou o blog do Ludwig ainda em fins de dezembro de 2018!…

Estranho

…Mas agora, moço, é uma choradeira só pelos cantos, são soluços nos bastidores, reclamações nas coxias… Estranho, isso!