Juíza determina retirada da internet do ‘Jornal da Guanaré’ e ‘A Hora do Povo’…

A Juíza Marcela Lobo, da 4.ª Zona Eleitoral de Caxias, determinou a retirada da internet dos programas ‘Jornal da Guanaré’ e ‘A Hora do Povo’, os quais atacam o pré-candidato a prefeito Adelmo Soares (PCdoB) de forma repetida e incisiva sem, no entanto, dar oportunidade de defesa ao político.

Reclamação PCdoB

A magistrada acatou reclamação do Partido Comunista do Brasil contra o Sistema de Comunicação Guanaré Ltda (pertencente à família do prefeito Fábio Gentil – Republicanos, candidato à reeleição), e a empresa Google Brasil Internet Ltda, onde as matérias estão ancoradas no ambiente virtual.

Informações falsas

Na sua decisão, Marcela Lobo realça: “A verificação do vídeo demonstra que assiste razão ao Representante (PCdoB), estando caracterizada nítida propaganda negativa antecipada. Em primeiro lugar, deve-se anotar que é leviano que uma empresa de comunicação, permissionária de serviço público e com capacidade de alcançar milhares de pessoas, difunda deliberadamente informações falsas”.

Fragor

E é porque a guerra eleitoral ainda nem começou direito na Princesa do Sertão… Agora, imagine, então, no fragor da batalha!

3 respostas para “Juíza determina retirada da internet do ‘Jornal da Guanaré’ e ‘A Hora do Povo’…”

  1. Adelmo Soares e os Coutinho podem é espernear, mas vão perder mais essa. Arrumem suas malas e vão pra Matões.

    1. Os Cutias estão vendo visagens… Pra quem estava 12 anos no poder, a abstinência dos cofres públicos dá nisso.

  2. Jogo baixo. Abaixo da linha da cintura. Quem tem 70% e o adversário só 15%, segundo pesquisa de intenção de voto, não precisa atacar com fake news.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *