Juiz determina ao Sistema Guanaré que divulgue direito de resposta de Wellington Moura…

Em sua decisão final sobre a divulgação de fakes pelo Sistema Guanaré, o juiz Ailton Gutemberg Carvalho Lima, da 6ª Zona Eleitoral de Caxias, determina que o grupo de comunicação conceda direito de resposta do candidato a prefeito Wellington Moura (PDT), a ser lindo e reproduzido na TV Guanaré, Rádio Guanaré e demais extensões do sistema na internet.

Condenação

O magistrado reafirma também que o Sistema Guanaré continua obrigado à retirada do ar de matéria do ‘Jornal da Guanaré’ primeira edição, do Jornal da Guanaré segunda edição e dos programas ‘A Hora do Povo’, Jornal do Meio Dia e do quadro ‘Sem rodeios’, que propagavam a falsa informação de que o candidato a prefeito Wellington Moura (PDT) estaria fora da disputa eleitoral em São João do Sóter e que a prefeita Josa Silva (PRB) seria a única concorrente no município.

Direção única

Assevera o juiz que “Em direção única, os três veículos de informação (Sistema Guanaré) afirmaram que só haveria uma candidatura ao cargo de Prefeito em São João do Sóter, o que não tem a mínima correlação com os dados amplamente divulgados pela Justiça Eleitoral. Recebidos todos os pedidos de registro de candidatura do município até o dia 25.09 e veiculado o conteúdo pelo representado (Sistema Guanaré) em 02.10.2020 não havia, como ainda não há, qualquer julgamento de chapas majoritárias em São João do Sóter, não sendo cabível (…) a afirmação categórica que apenas uma candidata a prefeita subsistiria na localidade (…)”.

Finalidade da imprensa

O magistrado ainda realça que “Atenta contra qualquer finalidade da imprensa a dispersão de conclusão apressada e equivocada, cujo único efeito é a desinformação do eleitor e o prejuízo à campanha eleitoral de candidato (…)”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *