Fiocruz aponta 2ª onda da covid-19 no Rio, Maranhão e Amapá…

fiocruz

Em seu boletim semanal, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) indica o risco de uma segunda onda de covid-19 nos estados do Rio de Janeiro, Maranhão e Amapá.

Nesses estados o primeiro pico de casos da doença foi registrado na primeira quinzena de maio; em junho houve queda constante, mas na segunda quinzena de julho o número de casos voltou a subir.

A subida se verificaria também nas capitais Rio de Janeiro, São Luís e Macapá. O estudo consta no Boletim InfoGripe referente à semana epidemiológica 30 (de 19 a 25/7). O estudo tem como base os dados inseridos no Sistema de Informação de Vigilância Epidemiológica da Gripe (Sivep-gripe) até 28/7.

De acordo com a Fiocruz, o número de novos casos semanais de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) no país estabilizou, mas os valores ainda estão em nível considerado muito alto.

Os dados de SRAG estão associados à covid-19, já que, entre as ocorrências com resultado positivo para os vírus respiratórios, 96,7% dos casos e 99,1% dos óbitos aconteceram por conta da covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *