Da fase das cobranças internas depende o poder…

Campanha eleitoral se aproximando e começa a fase das cobranças por estrutura eleitoral da parte dos pré-candidatos a vereador.

Disputa interna

Sobretudo pelos muitos aliados do governo que sonham em ter uma cadeira no Parlamento local, é grande a disputa interna com os vereadores situacionistas candidatos à reeleição.

Oposições

Mas esse drama dos pré-candidatos a vereador também acontece nas oposições. Em particular, os chamados pré-candidatos ‘nanicos’, em todas as coligações, são subvalorizados e precisam correr muito atrás de quaisquer estruturas que lhes deem a mínima condição de continuar na batalha por votos.

Disputa maior

No caso do governo, porém, a disputa interna é muito maior, dado o próprio tamanho da coligação. Ao todo, são perto de 200 pré-candidatos a vereador na chapa que o prefeito Fábio Gentil (PRB) concorre à reeleição.

Sentiu na pele

Dessa forma, no caso de Gentil, é preciso todo cuidado para não criar insatisfações incontornáveis. Em 2016, o ex-prefeito Léo Coutinho (PSB) sentiu na pele o fato de não ter tido sucesso nas articulações para domar a própria base eleitoral (Com edição, editorial da coluna ‘Caxias Em Off’, do Jornal Pequeno de hoje).

O pré-candidato a prefeito César Sabá está proibido de tirar fotos com aliados…

Segundo o próprio pré-candidato, a sua estratégia agora inclui “a exclusão de fotos” com pretensos aliados seus, pois nas vezes anteriores em que fez isso o prefeito Fábio Gentil (Republicanos) “foi lá e cooptou a metade deles”!

Ações e contrarreações no jogo da pré-campanha eleitoral em Caxias…

Movimentos ainda tímidos, mas parece que o prefeito Fábio Gentil (Republicanos) escolheu mesmo Adelmo Soares (PCdoB) como o alvo a ser abatido na eleição de 2020…

Movimentação

…De ontem para hoje, governistas têm marcado colado e acompanhado a movimentação do adversário. Onde o mesmo realizou algum evento os palacianos também realizaram algo parecido…

Minar

…No caso, deduz-se que a intenção de Gentil seria minar quaisquer tentativas de Soares de agir em algum lugar ‘esquecido’ pelo governo municipal.