Expulsão de Pedro Belo: nota de Márcio Jerry…

Agora há pouco, o deputado federal e presidente do PCdoB do Maranhão, Márcio Jerry, enviou a seguinte nota ao editor da página, esclarecendo a expulsão de Pedro Belo do partido:

Nota

“Não há expulsão de presidência. Houve uma decisão política do partido diferente da posição do Pedro na aliança local. Na quinta passada, o partido definiu uma posição de aliança com o PDT encaminhada pelo próprio presidente local Pedro Belo e em sintonia com a direção estadual. Tal posição foi modificada, o que ensejou a decisão partidária, por sua direção estadual e com apenas um voto contrário, de aliança com PCdoB, PSB, Solidariedade e outros partidos tendo o deputado Zito Rolim como candidato a prefeito.”

Expulsão de presidência

Obs: é fato que não há expulsão de presidência, mas a expressão usada na postagem anterior é uma ‘licença poética e política’ que realça o tamanho da força da decisão estadual comunista.

Pasta velha

Como disse um comunista da banda de Caxias, em mensagem também agora há pouco ao editor do site: “O Pedro Belo carregou sozinho esse partido. Brigou com tudo e com todos quando o partido só tinha uma pasta velha.  Nem sovaco pra pasta velha andar tinha…”

Pedro Belo é expulso da presidência do PCdoB em Codó…

Em reunião virtual realizada na manhã de hoje (15/9), o diretório estadual do PCdoB expulsou o presidente municipal da sigla em Codó, o ex-vereador Pedro Belo, e, ainda, proibiu aliança com o partido de Zé Francisco (PSD).

Formação do partido

Detalhe: Pedro Belo foi o pioneiro na formação da legenda no município e, por muito tempo, levou a toada partidária comunista sozinho na região.

Desobediência

A decisão da direção estadual foi tomada em razão da desobediência de Pedro Belo em apoiar a aliança estadual do PCdoB com o PDT. O ex-vereador manteve sua decisão em seguir com o grupão da oposição, denominado “Liberta Codó”, que vai oficializar as candidaturas de Zé Francisco e Camilo durante a convenção desta quarta-feira (16).

O PCdoB também destituiu o diretório municipal do partido, que agora deve se aliar ao PDT, em apoio à candidatura de Zito Rolim.

Justificativa de Márcio Jerry

Através de sua assessoria de imprensa, o presidente do PCdoB no MA, deputado Márcio Jerry, enviou nota de esclarecimento explicando que a direção estadual do PCdoB decidiu por maioria que o partido deveria se coligar com o PDT e não com o PSD, que vai lançar a candidatura a prefeito do médico Zé Francisco.

A decisão, segundo Márcio Jerry, é sua, como presidente estadual do PCdoB, da direção do partido e do governador Flávio Dino. Leia abaixo:

Nota

“O PCdoB – a partir da sua direção estadual e com apenas um voto contrário, por 18 votos a 1 – aprovou, em Codó, uma das maiores cidades do Maranhão, a coligação com o PDT e não com o PSD, que era a opção de alguns membros. Nós temos a política de aliança com o PDT e não com o PSD, razão pela qual é absolutamente natural que a aliança em Codó seja com o PDT. Esta é a posição da direção do partido, do próprio governador Flávio Dino, a minha posição enquanto presidente do partido, individualmente, a posição que nos coloca no mesmo palanque da senadora Eliziane Gama, do Cidadania, e do senador Weverton Rocha, do PDT (Deputado federal Márcio Jerry.”

Expressão do partido

O fato teve e está tendo enorme repercussão na região e no estado exatamente porque Pedro Belo não era apenas mais só um integrante do PCdoB, mas sim a própria expressão do partido na região… Com informações do blog do Marco Silva.

A ideia do figurino light em cima do velho PCdoB vem recebendo críticas da esquerda à direita…

mudar a cara…

A invenção, que atende aos interesses do governador Flávio Dino (PCdoB), o qual mira uma candidatura a presidente da República em 2022, é ao mesmo tempo atacada e ironizada em público e nos bastidores políticos…

Antiga cara

…Como já se sabe, após quase 100 anos de história, o velho PCdoB vai tirar a antiga cara, eliminando o vermelho, a foice, o martelo e a marca ‘comunista’, e entrarão em cena as cores verde e amarelo como predominantes na nova logomarca…

antiga cara…

Concertação portuguesa

…A ideia nada original foi inspirada na chamada ‘concertação’ feita pelo Partido Comunista Português (PCP), que também eliminou da sua logomarca os símbolos comunistas para concorrer a várias eleições em Portugal entre 1987 e 1989!!!

Após quase 100 anos de história, PCdoB vai mudar de cara… Saem o vermelho, a foice, o martelo e a referência ‘comunista’…

Com quase 100 anos de história, o PCdoB adotará uma nova marca em 2020…

Movimento 65

…Encobrindo as palavras ‘partido’ e ‘comunista’ de sua sigla, a legenda passará a adotar a expressão ‘Movimento 65’, que enfatiza o número do partido que pretende lançar em 2022 a candidatura à Presidência da República do governador do Maranhão, Flávio Dino… Leia mais em Metrópoles e/ou Ludwig.