Professor diz ter sido moralmente agredido pelo coordenador pedagógico da Escola de Música Maestro Josino Frazão…

Sentindo-se “agredido, perseguido e desmoralizado”, Gilberto Ribeiro relata que deu “entrada no setor de Protocolo da Prefeitura Municipal de Caxias e, também, registrou um Boletim de Ocorrência (BO) na polícia para que se tomem as medidas cabíveis”

Professor da Escola Municipal de Música Maestro Josino Frazão, Gilberto da Silva Ribeiro acusa o coordenador pedagógico da instituição, André Vieira, de tê-lo agredido moralmente durante uma reunião online acontecida no mês de novembro do ano passado.

De acordo com Gilberto Ribeiro, ele teria sido alvo de “assédio, xingamentos e ofensas através de palavras chulas”.

Sentindo-se “agredido, perseguido e desmoralizado”, Gilberto Ribeiro relata que deu “entrada no setor de Protocolo da Prefeitura Municipal de Caxias e registrou Boletim de Ocorrência (BO) na delegacia para que se tomem as medidas cabíveis”… Confira nas fotos acima.

Mas, segundo o professor, até o momento ninguém da Comissão Administrativa, muito menos o secretário de Cultura de Caxias, Leonardo Barata, se posicionou a respeito da questão.

Professores protestam durante passagem de Flávio Dino na região leste…

Protesto na Beira Rio em Caxias

Hoje (19/3), tanto em Caxias quanto em São João do Sóter, integrantes do Sindicato dos Professores (Sintrap) protestaram contra o governador Flávio Dino.

O chefe do Executivo estadual veio a Caxias, Saõ João do Sóter e Aldeias Altas inaugurar obras.

Confira no vídeo a manifestação em São João do Sóter:

Professores perdem a paciência e vão para cima dos vereadores em São João do Sóter…

Um dos manifestantes mais exaltados ameaça inclusive quebrar a Casa legislativa!

Ante a recusa da prefeita de São João do Sóter, Josa Silva, em pagar o abono dos professores, os mestres locais foram para cima dos vereadores do município.

Um dos manifestantes mais exaltados ameaça inclusive quebrar a Casa parlamentar!

Veja no vídeo abaixo como os educadores sotenses perderam a paciência com o governo municipal e os respectivos legisladores:

Professor carimba olho de vereador em Matões MA…

O quiproquó se deu entre o professor Gutemberg e o vereador Bilú no município de Matões do Maranhão.

Por trás do olho roxo do vereador, soqueado pelo professor, estaria a polêmica do reajuste salarial dos educadores matoenses, que a edilidade local só aprovou o correspondente ao mínimo do mínimo do governo federal, como queria o prefeito Ferdinando Coutinho.

Entenda o quiproquó no vídeo do vereador Bilú, no áudio do professor Gutemberg e no vídeo da vereadora oposicionista Cristiane Pinheiro:

Vereador Bilú
Professor Gutemberg
Vereadora Chistiane Pinheiro

Aposentados e pensionistas denunciam que não tiveram reajuste em seus salários…

Aposentados e pensionistas do magistério caxiense denunciam que não tiveram reajuste em seus salários, como propagandeado pelo governo municipal.

Vale recordar que, na sessão da Câmara Municipal de Caxias do dia 16/2, os vereadores aprovaram o projeto de reajuste de 35,1% no salário dos professores, o qual havia sido encaminhado ao Legislativo pelo Executivo local.

Na ocasião, o prefeito Fábio Gentil assegurou que o reajuste seria pago retroativo a janeiro de 2022, extensível a aposentados e pensionistas da educação.

Afora isso, o Sindicato dos Professores e Demais Servidores do Município (Sintrap) também reclama que o governo Gentil continua devendo 15 mil reais de abono a todos os professores do município de Caxias.

Daí o motivo dos educadores continuarem na praça, em frente à sede da Prefeitura.

Ouça o áudio do Sintrap:

Prefeito reajusta em 35,1% o salário dos professores…

Na sessão da Câmara Municipal de Caxias de quarta-feira passada (16/2), os vereadores aprovaram o projeto de reajuste de 35,1% do salário dos professores, que havia sido encaminhado ao Legislativo pelo Executivo local.

Aprovado por unanimidade, o valor é superior ao aumento concedido pelo governo federal, de 33,24%, que reajusta os salários de R$ 2.886 para R$ 3.845.

O reajuste concedido pela gestão municipal de Caxias aumenta o valor do salário para R$ 3.898,98, ou seja, 1,86% a mais que o do governo federal.

Segundo o prefeito Fábio Gentil, o reajuste será pago retroativo a janeiro de 2022.

Sintrap cobra de Fábio Gentil pagamento de abono salarial…

Na luta pelos direitos dos educadores caxienses, o Sindicato dos Professores e Demais Servidores do Município de Caxias (Sintrap) volta à carga cobrando o pagamento do abono salarial da categoria.

O referido abono, que o prefeito denomina erradamente de “17º Salário”, já era para ter sido pago aos educadores locais no início de janeiro de 2022.

Ouça o áudio abaixo:

Abono salarial: educadores protestam contra a prefeita Josa e prometem fazer greve em São João do Sóter MA…

Em protesto contra a prefeita Josa Silva, na manhã de hoje, educadores de São João do Sóter MA saíram às ruas da cidade para reivindicar o pagamento do abono salarial a que têm direito no município.

Em carta aberta à população, os professores sotenses também ameaçam fazer um amplo movimento paredista na cidade no início do ano letivo, caso a chefe do Executivo não atenda às suas reivindicações.

Vídeo e Carta Aberta

Abaixo, confira o vídeo da manifestação e leia a Carta Aberta dos educadores sotenses:

CARTA ABERTA E CONVOCAÇÃO A TODOS OS TRABALHADORES DA EDUCAÇÃO DE SÃO JOÃO DO SÓTER – MA.

É COM MUITO PESAR QUE O SINDICATO DOS TRABALHADORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SÃO JOÃO DO SÓTER VEM, ATRAVÉS DESSA CARTA CONVOCAÇÃO, INFORMAR QUE FALECEU HOJE 30/12/ 2021, VÍTIMA DE UM GOVERNO QUE, COMO DIZEM POR AÍ, CORRUPTO E MAU CARÁCTER, A ESPERANÇA DE UMA CLASSE TRABALHADORA MASSACRADA PELA AMBIÇÃO E GANÂNCIA DE UM GOVERNO SUSPEITO DE CORRUPÇÃO DO DINHEIRO PÚBLICO! ESPERANÇA, ASSIM QUE ERA CHAMADA, ESPERANÇA DE UMA CATEGORIA QUE AGUARDAVA ANSIOSA POR UM ABONO, ENQUANTO ASSISTIA SEUS MUNICÍPIOS VIZINHOS, COMO EXEMPLO ALDEIAS ALTAS, CODÓ E TIMBIRAS, QUE PAGARAM ABONOS COM VALORES QUE VARIARAM ENTRE 6 MIL ATÉ APROXIMADAMENTE 15 MIL REAIS. E COM TODO PESAR E AINDA COM A CONFIANÇA QUE TEMOS NA JUSTIÇA DOS CÉUS E UM POUQUINHO DE CONFIANÇA NA JUSTIÇA AQUI DA TERRA, VENHO ATRAVÉS DESTA CARTA EXTERNAR TODA MINHA INDIGNAÇÃO CONTRA ESSE GOVERNO DA PREFEITA JOSA, JUNTAMENTE COM SUA VICE LACERDA. E QUERO AQUI CONVOCAR TODOS OS TRABALHADORES DA EDUCAÇÃO DESTE MUNICÍPIO PARA UM ATO PÚBLICO NO DIA 04/01/2022, A PARTIR DAS 9 HORAS DA MANHÃ, AO LADO DA PREFEITURA, ONDE NA OCASIÃO, TRAJANDO ROUPAS PRETAS E SEGURANDO CARTAZES COM FRASES QUE REPRESENTAM NOSSA INSATISFAÇÃO A ESSE GOVERNO, GRITAREMOS NUMA SÓ VOZ, “A SOBRA É NOSSA”!

AINDA HÁ TEMPO DE LUTAR POR AQUILO QUE NOS PERTENCE E POR ISSO NÃO PODEMOS CALAR NOSSA VOZ OU FICAR DE BRAÇOS CRUZADOS! NOS UNIREMOS POR UM DIREITO QUE É DE TODOS, NÃO VAMOS COBRAR ABONO APENAS PARA OS PROFESSORES, MAS PARA TODOS OS TRABALHADORES QUE NO DIA A DIA DERRAMAM SEU SUOR PELA MELHORIA DA QUALIDADE DE ENSINO DE SÃO JOÃO DO SÓTER. UMA VEZ QUE EM MUITOS MUNICÍPIOS JÁ REALIZARAM PAGAMENTO DE ABONOS PARA TODOS OS TRABALHADORES DA EDUCAÇÃO DE FORMA LIVRE E ESPONTÂNEA, FAREMOS UM GRANDE MOVIMENTO EM PROL DO RATEIO DA SOBRA DO FUNDEB PARA TODOS OS TRABALHADORES DA EDUCAÇÃO! ESTAMOS DE LUTO PELA MORTE DA ESPERANÇA DE RECEBER O ABONO EM 2021, MAS RENOVAREMOS NOSSAS FORÇAS, FAZENDO A ESPERANÇA RENASCER EM NOSSOS CORAÇÕES ATRAVÉS DA LUTA POR NOSSOS DIREITOS. DIREITOS ESSES QUE NÃO DEVEMOS DEIXAR MORRER JAMAIS. PORTANTO, COMPANHEIROS E COMPANHEIRAS, CONVOCO A TODOS A SE FAZEREM PRESENTES NESSE GRANDE ATO MANIFESTO NO DIA 04/01/2022. E CASO A PREFEITA NÃO COMPROVE QUE NÃO HOUVE SOBRA, SEGUIREMOS EM FRENTE COM NOSSA LUTA, E, SE PRECISO, FAREMOS UMA GREVE NO INÍCIO DO ANO LETIVO! VAMOS MOSTRAR PARA A PREFEITA QUE SOMOS FORTES E ESTAMOS DETERMINADOS A RECEBER O QUE É NOSSO POR DIREITO💪🏼💪🏼

CONTO COM O APOIO DE TODOS, MAS TODOS AQUELES QUE ASSIM COMO OS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO DE NOSSOS MUNICÍPIOS VIZINHOS TIVERAM A ALEGRIA DE HOJE RECEBEREM SEUS ABONOS…

SINDICATO FORTE É COM TRABALHADORES UNIDOS, SÓ ASSIM A VITÓRIA SERÁ CERTA💪🏼💪🏼💪🏼  SINTRAP, SÃO JOÃO DO SÓTER, 30/12/2021

Sintrap faz vigília em frente à Prefeitura e cobra abono justo para a categoria dos educadores de Caxias…

O Sindicato dos Professores e Demais Servidores do Município de Caxias MA (Sintrap) faz vigília em frente à sede da Prefeitura e continua cobrando um abono justo para a categoria.

Nesse meio tempo, o prefeito Fábio Gentil não dá ouvidos à reivindicação dos educadores da região e, contrariamente, dissemina massivamente nos meios de comunicação estaduais, locais e na internet uma propaganda oficial desconectada da realidade vivida pelos mestres caxienses.

Assista ao vídeo abaixo:

Prefeito anuncia abono salarial de até R$ 25 mil para professores em Oeiras PI…

Crédito foto: GP1

Dia 10 passado, o prefeito de Oeiras, do Piauí, José Raimundo, anunciou que serão pagos R$ 7.599.997,50 aos docentes da rede municipal de ensino.

O valor é resultante da divisão das sobras dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e será pago de forma proporcional à carga-horária de trabalho – professores/20h: R$ 12.827,00; professores/25h: R$ 16.033,75 e professores/40h: R$ 25.654,00 (Com informações do GP1).