Já está à venda a autobiografia do economista e escritor Antônio Brandão…

Saído do prelo recentemente, o livro do autor pelo autor, editado pela Viegas (ligada à AMEI), contém 229 páginas e é dividido em 5 capítulos ou partes: Vivências,  Romances, Vida profissional, Viagens e Galeria de fotos.

A obra de Antônio Brandão foi prefaciada por Daniel Blume, presidente da ALL, e comentários nas ‘orelhas’ por Luiz Raimundo Carneiro de Azevedo.

A foto da capa foi feita em frente à Igreja de São Judas Tadeu, santo do qual o autor é devoto, no bairro Jabaquara, em São Paulo (SP).

Eleitos os novos imortais da Academia Caxiense de Letras…

Eis a relação dos novos imortais eleitos para a Academia Caxiense de Letras (ACL): Joseneyde Ferreira Vilanova, cadeira 02, patrono Clóvis Beviláqua Vidigal; Erlinda Maria Bittencourt, cadeira 10, patrono Raimundo Nonato da Silva (Déo Silva); João Batista Medeiros Filho, cadeira 11, patrono José do Rego Medeiros; Nelson Silva Almada Lima, cadeira 38, patrono Teodoro da Silva Ribeiro Júnior; e Isaac Gonçalves Souza, cadeira 39, patrono José Guilherme de Abreu…

A eleição aconteceu hoje pela manhã, na sede da Casa de Coelho Neto. Os cinco novos imortais acima concorreram com vários outros intelectuais pretendentes. Em alguns casos, a disputa pelas cadeiras da ACL foi bastante acirrada.

Também foram eleitos para comandar a nova diretoria da Academia Caxiense de Letras (ACL) o confrade Ezíquio Barros (presidente) e a confreira Joseane Maia (vice-presidente).

Sítio dos Poetas, um lugar que destoa do urbano…

Encravado dentro da cidade e margeado ao meio pelo riacho do Ponte, o Sítio dos Poetas já está na prancheta, nascendo aos poucos do papel para a realidade.

Na foto, os empresários Pedro Amorim e Rosalina Carvalho ao lado de Osária Viana, com os pés nas águas que correm tranquilas debaixo de grandes arvoredos.

A sombra majestosa cria contornos indecifráveis e combina com o cantar dos pássaros e o roçar das folhas, as únicas coisas que quebram o silêncio do lugar.

Quase não dá para acreditar que ali é uma área urbana de Caxias MA… Longa vida à Natureza!