A paternidade da Beira Rio é de Catulé Júnior, mas governistas a atribuem a Fábio Gentil…

A obra da Beira Rio em Caxias é, de fato, mérito do secretário estadual de Turismo, Catulé Júnior, que correu atrás e conseguiu junto ao governador Flávio Dino a mesma e outras similares para municípios próximos à Princesa do Sertão.

Mas os governistas caxienses já divulgam que o feito seria do prefeito Fábio Gentil.

Comunicado

Tanto assim que um comunicado interno palaciano diz o seguinte:

“Senhores secretários, de ordem do prefeito Fábio Gentil, convoco a todos vcs, seus adjuntos e equipe de funcionários de suas respectivas pastas, a se fazerem presentes amanhã, na inauguração da Beira Rio. O prefeito aguarda e conta com todos vcs e seus funcionários. Entrem em contato com todos hj. Vamos mobilizar e mostrar a força do nosso grupo. Será o último evento que Flavio Dino virá como Governador a Caxias. O prefeito não aceita desculpas para Faltas”…

9 respostas para “A paternidade da Beira Rio é de Catulé Júnior, mas governistas a atribuem a Fábio Gentil…”

  1. Não pai nem mãe de obras, existe de fato uma reforma, assim quanto as outras obras que estão sendo entregues no Maranhão todo, embora esse secretário seja de Caxias não faz dele pai de nada, o que está por trás disso é a velha politicalha, ele nunca se conformou com a escolha do Fábio em apoiar seu Pai para deputado estadual. Agora quer usar seu cargo para enganar o povo de Caxias a eleger ele deputado estadual, me poupe.

  2. O Fábio Gentil como sempre querendo dar uma de “espertinho”, algo que sempre fez como vereador e prefeito. A paternidade da obra é de Catulé Jr., qualquer outra tentativa de atribuir a alguém diferente desse estará se aproveitando eleitoralmente, o que o Fabin já faz no seu governo das mentiras, não tem nada para apresentar, recheado de corrupção, desmantelos, falta de gerência, etc.

  3. É do feitio de todos, qdo da inauguração dizer que foi Eu que fiz.
    O Cabeludo tá dando mesmo uma ordem para se fazerem presentes, e olhe lá se não forem, quem vai pagar é o secretário da pasta, como está sendo dito, parece que o grupo tá enfraquecendo….

  4. Pois é! Esse fenômeno mesmo só acontece em Caxias, só ler o JP de ontem, página do JP número 7. Evento conduzido pelo Sebrae. Para o desenvolvimento local do turismo em nossos municípios “Caxias não está ou estará presente?” Nessa lista ela não está… Enquanto isso, andamos com as campanhas familiares, interessa o que no turismo? Cortar só a fita da inauguração. Por isso o de Colinas já conta mais de cinco anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *